Você quer ter um filho milionário?

Olá! Tudo bem com você?

Hoje falaremos um pouco sobre a relação de nossos filhos com o dinheiro e utilizaremos, como referência de nossas reflexões, o livro de T. Harv Eker: Os segredos da mente milionária.

Inicialmente, é muito importante ressaltar que o autor nos orienta à conscientização de crenças limitantes que trazemos conosco desde a nossa própria infância.

Se você não sabe o que quer dizer crença limitante, saiba que esse conceito é bem simples. É tudo aquilo que você sempre ouviu seus pais e familiares dizerem.

Segundo Eker, algumas frases (crenças) que ouvimos quando crianças devem ser ressignificadas, como por exemplo, afirmações do tipo: “Dinheiro não cai do céu”, ” Dinheiro não dá em árvore”, “A água corre pro mar”, “Rico é egoísta”, “Rico é esnobe”, etc.

Não sei quanto a você, mas eu me lembro de já ter ouvido todas essas frases na minha infância. Nesse caso, o autor recomenda que você tenha outro entendimento a respeito delas para superá-las e fazer com que elas deixem de afetar a sua vida e não lhe impeçam de prosperar.

Pois bem, assim sendo, vamos pensar agora nos nossos pequenos que são o foco de nossa existência. Como podemos liberar nossas crianças desse ciclo vicioso e impedir que nossas próprias crenças limitantes sejam repassadas para elas?

Para que isso não aconteça com você e seus filhos, preste atenção nas dicas a seguir:

1- Primeiramente, trabalhe para superar suas próprias crenças limitantes sobre o dinheiro e pare de repetir essas frases que você ouviu a vida inteira, principalmente, aquela que diz que dinheiro é sujo;

2- Apresente a seu filho exemplos positivos de pessoas ricas que transformaram a sociedade e trouxeram benefícios a humanidade. Se possível, leia sobre a vida delas e conte a seus pequenos. Alguns exemplos: Antônio Ermínio de Moraes, Sílvio Santos, Bill Gates, Steve Jobs e tantos outros nomes que são referências positivas;

3- Ensine a seu filho o valor do dinheiro e incentive-o a ganhar o seu próprio dinheiro para administra-lo de forma adequada. Você pode recompensá-lo, por exemplo, ao executar tarefas domésticas, isso já será um bom início;

4- Evite criticar ou julgar pessoas na presença de seu filho. Essa atitude é incompatível com uma mente milionária. Apenas pessoas fracassadas se envolvem em críticas, julgamentos e fofocas; e

5- Verifique se os programas que você assiste na TV são produtivos e úteis. Não perca seu tempo com conteúdos inadequados, inúteis e negativos. Isso irá elevar o nível de sua vibração mental e seu filho tenderá a seguir o seu exemplo, optando também por conteúdos relevantes quando estiver na internet.

Essas são apenas pequenas ações que você pode iniciar hoje mesmo para mudar a sua programação mental e de sua família também. Vale a pena aplicar.

Ficamos por aqui. Se gostou das dicas, compartilhe. Lembre-se: pessoas de sucesso reconhecem conteúdos relevantes e os divulgam para levar conhecimento a outras pessoas.

Beijos iluminados e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *