3 Mitos da Infância (Parte 1)

Olá, você que acompanha o nosso projeto!!! Seja muito bem-vindo (a)!!!

Para iniciar nosso blog, escolhi um tema bastante desafiador: alguns mitos da infância, mais especificamente, 3 deles…
Acredito que você já deva ter ouvido falar muito sobre eles…
Bem, então vamos lá!

O primeiro mito selecionado é: “criança levada é sinônimo de saúde”. Conhece? Imagino que sim e se você acredita nisso, é hora de rever seus conceitos!!!

Mas, você sabe como surgiu essa crença? Se não, vamos esclarecer aqui…

Ela surgiu há séculos atrás, quando as avós e bisavós de nossas avós identificavam se uma criança estava doente ou não observando o comportamento dela. E como naquela época era comum que as crianças brincassem livremente nos grandes quintais ou na própria rua, elas realmente corriam muito, pulavam, brincavam e não paravam em casa.

Assim, se alguma criança se recusasse a sair de casa para brincar ou se fosse vista quietinha no seu canto era sinal de que alguma indisposição estava a caminho. Então, sempre que uma criança estava doente, ela realmente apresentava um comportamento diferente das demais e assim os adultos sempre usavam essa frase para agradecer a saúde de seus filhos, caso contrário, ela certamente estaria doente.

Mas é claro que nos dias atuais esse mito (ou crença) não procede, apesar do comportamento da criança continuar o mesmo quando está doente. E é evidente que uma criança doente não apresenta a mesma disposição de uma criança saudável, porém, o que não deve ocorrer é você confundir saúde e energia com falta de limites e má educação.

O que temos visto acontecer, em muitos casos, é que os pais ou quaisquer outros adultos que convivem com a criança usam essa frase ou crença para justificar o comportamento inadequado dela, entende? Aí fica fácil, você não acha? O adulto não educa, a criança não tem limites, mas para todos os que observam, é dito a célebre frase: “- Deixa ele (a)!!! Criança levada é sinônimo de saúde!!! Criança quieta é criança doente!!!”
Será???? Claro que não, né??? Criança levada é sinônimo de falta de limites!!! Se verificarmos no dicionário o significado da palavra “levada”, encontraremos: “pessoa atentada ou bagunceira”. E isso não é nada bom, você não acha?

Bem, ficamos por aqui… Os outros 2 mitos eu comentarei nas partes 2 e 3, combinado?
Até lá!!!
Grande abraço!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *